domingo, 4 de outubro de 2009

Mais uma vez as categorias de base superam a MotoGP e as 125ccc trouxe grandes emoções nas disputas pela primeira posição, definida na última volta por Pol Espargaró.



Nas primeiras voltas após a largada, entre os seis primeiros da prova não havia decisão por quem ficava na dianteira. Foram várias vezes em que quatro pilotos fiavam lado a lado e quem estava em quinto de repente era o ponteiro. Nicolas Terol, Julian Simon, Marc Marquez, Simoni Corsi, Pol Espargaró e Sandro Cortese eram os pilotos que estavam mais a frente.

Aos poucos, diante a briga que acontecia, outros pilotos também se juntavamao pelotão da dianteira.

Terol tocou em Bradley Smith e foi ao chão, quase levando Cortese. Sabendo que precisava pontuar e não permitir o título antecipado de Simon, Terol voltou a pista na 29ª posição, mas a moto não rendeu o suficiente e ele recolheu ao box abandonando a prova faltando 15 voltas para o término.

Enquanto isso, Simon assumiu a ponta abrindo um pouco de vantagem para o segundo colocado, Simoni Corsi e Marc Marquez o terceiro. Do quarto para trás a vantagem aumentou ainda mais e o pelotão dianteiro se distanicou do restante do grupo.

Duas voltas depois, Corsi derrapou e caiu, abandonando a prova dando ainda mais espaço para Julian Simon disparar na frente. Marc Marquez tentou desesperadamente manter contato com o ponteiro e também foi ao chão, sozinho.

Neste ponto da prova, Simon ainda não era o campeão, pois Bradley Smith herdara as duas posições das quedas e se ccolocara na quarta colocação, ainda em condições de disputar o título.

Julian Simon disparou ainda mais na frente, com Pol Espargaró na segunda colocação e Sandro Cortese logo atrás tentado roubar a posição. Os dois não esperavam um ataque de Bradely Smith que ultrapassou os dois, mas perdeu na sequencia voltando para quarto.

Julian Simon cometeu o maior erro da prova, a sete voltas do final: caiu e perdeu várias posições (voltando em 14). Bradley Smith assumiu a liderança ainda com Cortese e Espargaró alternando na dianteira.

A três voltas para o fim, Espargaró ultrapassou Smith e ganhou a primeira posição. Na última volta, Sandro Cortese passou os dois e foi para a dianteira, tomando o troco de Pol Espargaro que voltou para a frente. Vitória de Espargaró, com Cortese em segundo e Smith em terceiro. Julian Simon ainda conseguiu a décima segunda posição, deixando a disputa pelo título para as próximas provas.

Confira abaixo o resultado da prova:
1 Pol ESPARGARO Derbi Racing Team 41'00.421
2 Sandro CORTESE Ajo Interwetten 0.394
3 Bradley SMITH Bancaja Aspar Team 125cc 0.581
4 Stefan BRADL Viessmann Kiefer Racing 11.048
5 Joan OLIVE Derbi Racing Team 16.830
6 Sergio GADEA Bancaja Aspar Team 125cc 17.170
7 Esteve RABAT Blusens Aprilia 17.300
8 Dominique AEGERTER Ajo Interwetten 17.546
9 Johann ZARCO WTR San Marino Team 17.666
10 Randy KRUMMENACHER Degraaf Grand Prix 21.378
11 Takaaki NAKAGAMI Ongetta Team I.S.P.A. 26.312
12 Julian SIMON Bancaja Aspar Team 125cc 31.500
13 Lorenzo ZANETTI Ongetta Team I.S.P.A. 34.194
14 Jonas FOLGER Ongetta Team I.S.P.A. 35.023
15 Luis SALOM Jack & Jones Team 54.243
16 Scott REDDING Blusens Aprilia 54.332
17 Jasper IWEMA Racing Team Germany 1'02.994
18 Alberto MONCAYO Andalucia Aprilia 1'03.054
19 Sturla FAGERHAUG Red Bull KTM Moto Sport 1'03.061
20 Johnny ROSELL Blusens BQR 1'24.171
21 Jacub JANTULIK JJ Racing Team 1'37.379
22 Luca VITALI CBC Corse 1'50.590
23 Quentin JACQUET Matteoni Racing 1'50.852
24 Jordi DALMAU SAG-Castrol 1 volta
25 Jakub KORNFEIL Loncin Racing 1 volta

0 comentários:

Postar um comentário