quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Os organizadores do grande prêmio da Malásia de MotoGP estão prontos para assinar uma extensão do contrato de cinco anos e desta forma garantir a prova no circuito de Sepang para pelo menos 2015. Segundo a imprensa malaia, os diretores do circuito aceitaram ontem a proposta feita pela Dorna, empresa que detém os direitos comerciais da MotoGP.

Porém, o chefe do circuito, Razlan Razali, disse que o acordo só fará sentido se um piloto malaio fizer parte do campeonato. "Dorna irá nos ajudar a desenvolver um programa para termos nosso representante. Afinal, qual é o sentido de ter um GP da Malásia de Motociclismo, sem um talento promissor local?".

0 comentários:

Postar um comentário