quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

O australiano Casey Stoner, campeão do mundo da MotoGP em 2007, deu uma entrevista em Madonna di Campiglio, e comentou sobre: as expectativas para 2010, principais rivais na briga pelo título e sobre a nova moto da Ducati.

O piloto começou falando sobre a condição física, que foi o maior rival dele na temporada passada. Ele disse que sente muito bem, melhor do que se sentiu nos últimos três anos. Ele ainda usou o belo desempenho no final da temporada passada para argumentar que não existe mais nenhum problema: "fui em vários médicos no ano passado e não conseguia encontrar uma resposta e daí todos começaram a dizer que estava com problemas mentais. Engraçado que quando eu estava conquistando bons resultados, ninguém fez tal acusação. Tive que ficar dois meses me tratando, mas foi ótimo voltar e conquistar bons resultados".

Stoner também salientou que o trabalho que está desenvolvendo nesta pré-temporada está fazendo muito bem para ele: "o nível dos meus treinamentos aumentaram significativamente e meu condicionamento nunca esteve tão bom. Estamos realmente muito confiantes que ganharemos o título neste ano".

O piloto falou sobre a moto que vai utilizar em 2010, comentando sobre os treinos que foram realizados na pista de Valência: "andamos com a nova moto e eu adorei. Temos muito mais tração e conseguiremos tirar mais da moto. Temos ainda um monte de coisas para testar antes da primeira prova, mas estou confiante que estaremos brigando pelo título".

Sobre a briga pelo caneco, Stoner apontou o italiano Valentino Rossi como a maior pedra no caminho: "Valentino e Lorenzo são muito fortes, mas o italiano é mais difícil de entender. As vezes ele vai muito bem em todo o fim de semana e não faz uma boa prova ou o contrário, não anda nada nos treinos e surpreende na corrida. Já Lorenzo é mais fácil de entender, pois quando começa mal, dificilmente se recupera no fim de semana".

0 comentários:

Postar um comentário