domingo, 27 de junho de 2010

O italiano Max Biaggi venceu pela sétima vez no ano, terceira consecutiva, neste Domingo (27) na primeira prova da rodada dupla de Misano do Mundial de Superbike. Depois de largar na segunda posição e ficar boa parte da prova atrás de do australiano Troy Corser, o piloto da Aprilia superou o rival e partiu para mais uma vitória na temporada, sustentando a liderança do campeonato.

Na largada o australiano Troy Corser manteve a liderança seguido de Biaggi e do espanhol Carlos Checa. Na segunda volta o inglês Leon Haslam ultrapassou o compatriota Jonathan Rea, pulando para a oitava posição. Na quarta volta Cal Crutchlow, que ocupava a sétima posição, caiu e abandonou a prova. Antes disto, no entanto, Leon Camier também havia deixado Jonathan Rea para trás, na briga pela oitava posição.

Na sexta volta o italiano Michel Fabrizio da Ducati deixou o francês Sylvain Guintoli da Suzuki para trás, pulando para a quarta colocação da prova. Após as sete primeiras voltas, o cinco primeiros colocados conseguiram de desgarrar do segundo pelotão, virando um bloco particular na briga pela vitória da prova. Na nona volta o espanhol Ruben Xaus, da BMW, abandonou a prova com problemas no motor.

Ainda na nona volta, na briga pela sétima posição, Camier deixou o japonês Noriyuki Haga para trás. O australiano Broc Parkes recebeu uma bandeira preta na décima volta e teve que parar nos pits. Leon Haslam começou então uma prova de recuperação e na décima volta deixou Haga e Camier para trás, pulando para a sexta posição, mas Camier conseguiu dar o troco. Um pouco mais atrás, James Toseland da Yamaha e Shane Byrne da Ducati deixavam Jonathan Rea para trás, na briga pela nona e décima posições. Duas voltas depois foi a vez de Byrne superar Toseland.

Na 16ª volta, Max Biaggi foi para cima de Troy Corser e efetuou a ultrapassagem, pulando para a liderança da prova. Na volta seguinte foi a vez de Carlos Checa deixar Corser para trás, assumindo o segundo posto. Jonathan Rea continuava a perder posições lá atrás, e depois de ser superado por Luca Scassa e Lorenzo Lanzi, caiu para a 13ª posição. No fim a vitória ficou mesmo com Biaggi, seguido de Checa e Corser.

Confira abaixo o resultado final da prova:

1 3 Biaggi M ITA Aprilia RSV4 Factory
24
2 7 Checa C ESP Ducati 1098R 0.387 24
3 11 Corser T AUS BMW S1000 RR 0.822 24
4 84 Fabrizio M ITA Ducati 1098R 4.911 24
5 50 Guintoli S FRA Suzuki GSX-R1000 5.916 24
6 2 Camier L GBR Aprilia RSV4 Factory 8.658 24
7 41 Haga N JPN Ducati 1098R 11.872 24
8 91 Haslam L GBR Suzuki GSX-R1000 11.907 24
9 67 Byrne S GBR Ducati 1098R 16.490 24
10 52 Toseland J GBR Yamaha YZF R1 18.458 24
11 99 Scassa L ITA Ducati 1098R 18.646 24
12 57 Lanzi L ITA Ducati 1098R 19.315 24
13 65 Rea J GBR Honda CBR1000RR 25.405 24
14 76 Neukirchner M GER Honda CBR1000RR 31.671 24
15 66 Sykes T GBR Kawasaki ZX 10R 39.658 24
16 77 Vermeulen C AUS Kawasaki ZX 10R 48.137 24
17 95 Hayden R USA Kawasaki ZX 10R 56.316 24
18 90 Sandi F ITA Aprilia RSV4 1000 F. 56.667 24
19 15 Baiocco M ITA Kawasaki ZX 10R 57.218 24
RET 111 Xaus R ESP BMW S1000 RR 16 Laps 8
RET 35 Crutchlow C GBR Yamaha YZF R1 20 Laps 4
RET 96 Smrz J CZE Ducati 1098R 23 Laps 1
EX 23 Parkes B AUS Honda CBR1000RR
10

0 comentários:

Postar um comentário