domingo, 2 de outubro de 2011



Magny-Cours foi palco para a decisão do título do Mundial de Superbike neste domingo. O espanhol Carlos Checa, que tinha grande vantagem na liderança do campeonato, venceu e com isto conquistou por antecipação o título de 2011. Ele que teve uma sequência incrível de vitórias nesta temporada, levou uma equipe privada ao título.

Na largada, Eugene Laverty assumiu a primeira colocação seguido de Leon Camier e Tom Sykes. Na segunda volta, Checa superou Sykes e foi para cima do Camier pela segunda posição e os dois acabaram se encostando numa primeira tentativa de ultrapassagem. Na segunda tentativa, ele passou limpo e foi embora. Jakub Smrz acabou sofrendo uma queda e abandonou a prova e duas voltas depois foi a vez de Jonathan Rea abandonar. Tom Sykes, que fazia uma bela prova e chegou a andar em terceiro, foi perdendo rendimento e na sexta volta já estava em oitavo.

Na briga pela primeira posição, Checa passou Laverty na volta nove, mas levou o "xis" imediatamente depois. Na mesma volta, ele tentou novamente e assim sim, fez tudo certo, evitou o troco e pulou para ponta. Na 12, Leon Haslam passou o Camier na briga pela terceira posição. Marco Melandri, único que poderia evitar o título to Checa nesta etapa, começou longe disto, mas mesmo sem ter chances de evitar o inevitável, começou a fazer uma boa prova e depois de passar o japonês Noriyuki Haga e o Sylvain Guintoli e foi para quinta colocação.

Algumas voltas depois e Camier foi o próximo na lista do Melandri na disputa pelo quarto posto. A frente dele, Haslam tentou ultrapassar o Laverty pela segunda posição, mas cometeu um erro e foi ultrapassado pelo Melandri que estava na espreita. O italiano foi então para cima do Laverty e assumiu a segunda colocação da prova. Lá na frente, Carlos Checa com muita calma levou a Ducati a vitória e com isto conquistou por antecipação o título da categoria.

Confira abaixo o resultado final da prova:


0 comentários:

Postar um comentário