domingo, 26 de agosto de 2012


Prova bem atípica da Moto3 na República Tcheca. Com o piso úmido, os pilotos acostumados a andarem na frente caíram para o pelotão intermediário enquanto outros não muito íntimos com as primeiras colocações puxaram o pelotão. No fim, o alemão Jonas Folger conquistou a vitória com bastante tranquilidade, abrindo mais de cinco segundos para o segundo colocado.

Na largada, o malaio Zulfahmi Khairuddin assumiu a liderança com bastante folga para os outros pilotos. Mas, logo ele foi alcançado e perdeu a ponta para Efren Vazquez, que largou da 11ª colocação e deu um grande salto no inicio. O piso úmido acabou provocando algumas mudanças interessantes nas posições, por exemplo, Maverik Viñales, que largou na pole, completou a segundo volta apenas na sétima colocação e por outro lado, Jonas Folger, que largou em nono, era o segundo.

No meio da terceira volta, Folger acabou passando Vazquez e assumiu a liderança da corrida. Os dois ja haviam aberto cerca de cinco segundos para o resto do pelotão. Depois de assumir a ponta, o alemão também abriu do espanhol. Enquanto isto, Viñales só despencava e na sexta volta já havia caído para 12º. Na volta seguinte, Vazquez acabou perdendo a posição também para Jakub Kornfeil na briga pela segunda colocação e Miroslav Popow foi junto, deixando Vazquez apenas na quarta colocação.

Não demorou muito para Vazquez também perder a posição para Khairuddim, que foi atrás de Popow e na décima volta conseguiu a ultrapassagem pela última colocação do pódio. Porém, ele não ficou por muito tempo na colocação, pois Sandro Cortese começou a acelerar forte na parte final da corrida e deixou o malaio para trás duas voltas depois. Outro que se recuperava na corrida era Viñales, que na volta 13 já estava na quarta colocação, se aproximando de Cortese.

Faltando quatro voltas para o fim, Popov acabou caindo e abandonou. No mesmo momento, Khairuddim também deu adeus a corrida pelo mesmo motivo. Faltando duas voltas, o pelotão da briga pela segunda colocação se juntou e Cortese acabou passando o Kornfeil para ficar com a posição. Luiz Salom, que passou Viñales, foi junto e pulou para terceiro. Lá na frente, Folger confirmou a vitória com Salom em segundo, que deu o bote em Cortese nas últimas curvas.

Confira abaixo o resultado final da corrida:


0 comentários:

Postar um comentário