terça-feira, 20 de janeiro de 2015



A AMA Supercross voltou a Anaheim para a terceira etapa da temporada e assim como na primeira corrida o vencedor foi Ken Roczen. O piloto da Suzuki chegou assim aos 72 pontos, 12 a mais que o vice-líder Ryan Dungey, que colocou a KTM #5 na segunda colocação. Roczen se classificou na segunda colocação de cara na Heat 1 e na grande final dominou do início ao fim. Eli Tomac completou o pódio da etapa com a terceira colocação.

O fim de semana começou com a disputa da "HEAT 1", onde foram conhecidos os quatro classificados para a grande corrida. Ryan Dungey assumiu a ponta na primeira volta e foi embora. Já Roczen teve que batalhar após um começo não muito bem. Passou por Chad Reed, Joshua Grant e David Millsaps até chegar a segunda colocação. Millsaps e Reed também conseguiram a classificação na prova. A surpresa ficou por conta de Eli Tomac, que ficou para semi-final.

Já na "HEAT 2" o grande nome foi Mike Alessi, que acelerou forte a Suzuki #800 e venceu com tranquilidade após assumir a ponta na primeira volta. Justin Barcia e Trey Canard brigavam pela quinta colocação quando acabaram se tocando e caíram, perdendo várias posições. Na briga pela segunda colocação, Cole Seely superou Andrew Short na terceira volta para terminar na posição. Além dos dois e de Alessi o quarta classificado foi Jason Anderson.

Os pilotos que ficaram pelo caminho foram então para as semifinais. Na "SEMI 1" quem deu as cartas foi Broc Tickle, que assumiu a ponta no início de venceu com tranquilidade. A última volta foi insana. Cade Clason estava em segundo sendo atacado por Justin Barcia e Eli Tomac. Houve um toque e no fim Tomac foi o segundo com Barcia em terceiro e Cason em quarto. Nicholas Wey ficou com a quinta vaga.

A "SEMI 2" foi mais dentro da normalidade. Trey Canard, como esperado, dominou e venceu com tranquilidade. A decepção foi Jimmy Albertson, que ficou quase a prova toda na zona de classificação, mas na última volta perdeu posições. Classificaram também Joshua Grant, Dean Wilson, Brett Metcalfe e Blake Baggett. Mais quatro vagas foram definidas na repescagem. Jacob Weimer e Jimmy Albertson duelaram pela vitória e Weimer levou a melhor. Kyle Chisholm e Ben Lamay também se classificaram.

Com todos os classificados conhecidos, foi hora da grande corrida, com 20 voltas. Jimmy Albertson surpreendeu e ficou com o "Holeshot", mas ainda na primeira volta foi superado por Short, Millsaps e Roczen. Não demorou muito para Roczen assumir a ponta. Short, tentando se manter entre os ponteiros, acabou forçando mais que devia e caiu. Anderson que estava logo atrás, acabou caindo também.

Na sexta volta Dungey chegou ao segundo posto e na sétima Tomac no terceiro. O grande momento da corrida foi quando Trey Canard e Chad Reed começaram a brigar pela quarta colocação. Canard acabou tocando em Reed e os dois caíram. Quando levantaram, Reed não pensou duas vezes e jogou a moto contra Canard, para dar o troco (vídeo). Lá na frente, com muita tranquilidade, Roczen venceu com 3,6 segundos para Dungey. Tomac, vencedor da segunda prova, terminou em terceiro.


Os pilotos retornam a ação já no próximo final de semana em Oakland. Confira abaixo o resultado da corrida:

0 comentários:

Postar um comentário