terça-feira, 12 de abril de 2016


Um dos mais emocionantes campeonatos de Superbike do mundo, o inglês, abriu as atividades no último final de semana em Silverstone. Foram duas corridas repletas de disputas do início ao fim em todos os pelotões. Michael Laverty (BWM) venceu a primeira depois de largar da sexta colocação e na segunda foi Peter Hickman (Kawasaki) que levou após sair da pole-position. O multicampeão Shane Byrne (Ducati) chegou em segundo nas duas e saiu na liderança do campeonato.

Um dos destaques da temporada, sem dúvida, é a presença de Leon Haslam (Kawasaki), depois de tantos anos correndo no campeonato mundial. E ele começou muito bem, marcando a pole position. Ele chegou a perder a ponta para Jason O'Halloran (Honda) no início, mas deu o troco na segunda volta. Laverty foi junto e O'Halloran caiu para terceiro. No fim da primeira volta Laverty assumiu a liderança. Haslam perdeu então o rendimento da moto e começou a perder posições e teve que abandonar.

Outro que estava bem, mas que deu adeus prematuramente foi Peter Hickman, que estava na quarta colocação. Na 11 Byrne passou por Dan Linfoot (Honda) para assumir a segunda colocação e foi atrás de Laverty para brigar pela vitória. Na última volta ele intensificou o ataque, mas Laverty não estava afim de perder e manteve a posição, cruzando a linha de chegada 550 milésimos a frente de Byrne.

Na segunda corrida Peter Hickman começou na frente, mas na terceira volta ele foi superado por Laverty. Os dois conseguiram se desgarrar do resto do pelotão. Atrás deles, na briga pelo terceiro posto, Dan Linfoot e Shane Byrne também estavam sós na pista. Na volta seis Hickman conseguiu dar o troco em Laverty e voltou a liderança. A briga entre os dois continuou dura nos giros seguintes, com várias alternâncias de posições.

Com isto o pelotão conseguiu chegar neles e numa desta ultrapassagens de Hickman para cima de Laverty, Shane Byrne foi junto e o piloto da BMW caiu para terceiro. Na última volta lá foi Byrne para cima de Hickman brigar pela vitória. Ele conseguiu a ultrapassagem na última curva e os dois receberam a bandeirada lado a lado, com Hickman 99 milésimos a frente de Byrne.

Confira abaixo como ficou a classificação do campeonato após as duas corridas:

1 67 Shane Byrne Be Wiser Ducati 40
2 7 Michael Laverty Tyco BMW 35
3 24 Christian Iddon Tyco BMW 32
4 60 Peter Hickman JG Speedfit Kawasaki 25
5 22 Jason O'Halloran Honda Racing 23
6 12 Luke Mossey Quattro Plant Kawasaki 19
7 4 Dan Linfoot Honda Racing 18
8 14 Lee Jackson Buildbase BMW 17
9 91 Leon Haslam JG Speedfit Kawasaki 11
10 77 James Ellison JG Speedfit Kawasaki 11

0 comentários:

Postar um comentário