Mais uma dobradinha da Kawasaki em Laguna Seca - Moto-Velocidade

Breaking

domingo, 10 de julho de 2016

Mais uma dobradinha da Kawasaki em Laguna Seca


Os pilotos do Mundial de Superbike desembarcaram neste último final de semana em Laguna Seca, nos Estados Unidos, para a nona etapa da temporada. E mais uma vez a Kawasaki dominou o rodada. No sábado foi dobradinha com Jonathan Rea em primeiro e Tom Sykes em segundo. Já no domingo Rea abandonou depois de 17 pódios consecutivos na temporada. Mas Sykes representou a montadora japonesa com uma vitória. Segue abaixo um relato das duas corridas:

Corrida 1

Na largada Jonathan Rea tracionou melhor, passou Tom Sykes, mas levou o troco logo em seguida. Chaz Davies que vinha atrás aproveitou e também passou por Rea. Na terceira volta Davies passou por Sykes e Rea foi junto, mas o inglês da Ducati caiu e deixou o caminho livre para as Kawazaki. Na 13 foi a vez da outra Ducati, de Davide Giugliano ir ao chão e abandonar. Ele estava na terceira colocação e com isto Nicky Hayden assumiu a posição.

Na 16 Sykes conseguiu passar Rea depois que ele errou no saca-rolha e recuperou a liderança da corrida. Rea não largou o "osso" e na 19 passou mais uma vez o rival e pulou para primeira colocação. A briga pela terceira colocação também pegava fogo com Alex Lowes e Michael Van der Mark pressionando Hayden. No fim Rea confirmou a vitória seguido de Sykes e Hayden. Van der Mark ainda passou Lowes no fim pra ficar com a quarta colocação.  

Corrida 2

Na largada Tom Sykes manteve a ponta seguido de Davide Giugliano e Jonathan Rea caiu para terceiro. Michael Van de Mark escapou no início da segunda volta, foi na brita e caiu. Ainda na segunda volta Leon Camier parou com problemas na moto e abandonou. Mudança na liderança da corrida na terceira volta com Giugliano deixando Sykes para trás.

Na volta cinco a bandeira vermelha foi acionada devido a queda de Paweł Szkopek que necessitou atendimento médico. Na segunda largada Jonathan Rea largou melhor, mas foi superado na primeira curva por Giugliano, Sykes e Nicky Hayden. No segundo giro, no entanto, Rea conseguiu dar o troco em Hayden e recuperou a terceira colocação.

No terceiro giro foi a vez de Lorenzo Savadori cair e dar adeus a disputa. Na quatro Rea, numa manobra só no saca-rolha, passou por Sykes e Giugliano. Sykes, no entanto, conseguiu dar o troco no primeiro momento, mas no complemento da volta Rea retornou a liderança. Mas ele escapou da pista e despencou para a 10ª colocação. No giro seguinte ele teve que abandonar com problemas na moto.

Com quatro voltas para o fim Chaz Davies chegou em Giugliano e os dois começaram a duelar pela segunda colocação. O inglês passou o italiano até com certa tranquilidade. Giugliano, no entanto, conseguiu dar o troco e começou a atacar Sykes pela vitória. Os dois cruzaram a linha separados apenas por 209    milésimos com Sykes em primeiro e Giugliano em segundo.

Confira abaixo como ficou a classificação do campeonato:

1 United KingdomRea Kawasaki 368
2 United KingdomSykes Kawasaki 297
3 United Kingdom Davies Ducati 244
4 Netherlandsvan der Mark Honda 176
5 ItalyGiugliano Ducati 165
6 United States Hayden Honda 162
7 SpainTorres BMW 145
8 United KingdomCamier
MV Agusta
110
9 ItalySavadori Aprilia 110
10 United Kingdom Lowes Yamaha 92

Nenhum comentário:

Postar um comentário