terça-feira, 31 de janeiro de 2017


Depois de duas vitórias da Honda e uma da KTM, no último final de semana deu Kawazaki no AMA Supercross. Eli Tomac fez o "holeshot" e acelerou forte desde o início e venceu com facilidade. Ele ainda se beneficiou da briga dura pela segunda colocação entre os oponentes, que os fez perder tempo e desta forma ele não teve que se preocupar com a aproximação da concorrência.

Mas se na ponta não houve disputa, nas outras posições o espetáculo correu solto. A briga pela segunda colocação entre Cole Seely (Honda), Ryan Dungey (KTM) e Chad Reed (Yamaha) foi linda. Primeiro a briga foi entre o piloto da KTM e o da Yamaha. Dungey conseguiu se livrar e foi pra cima de Seely. Os dois duelarão duramente e então Reed apareceu do nada e passou os dois numa mesma manobra, ficando com o segundo posto.

Um pouco mais atrás, na briga pelo oitavo posto, a briga também foi linda e entre dois nomes que todos estavam esperando para ver duelando. Marvin Musquin (KTM), campeão da 250cc em 2015, e Cooper Webb (Yamaha), campeão da 250cc em 2016. As duas grandes promessas para o futuro da categoria deram um show na pista e no fim Webb levou a melhor.

Confira abaixo o resultado final da corrida:

0 comentários:

Postar um comentário