terça-feira, 24 de janeiro de 2017


Os pilotos do AMA Supercross retornaram em Anaheim no último final de semana para a terceira etapa da temporada. E o atual campeão Ryan Dungey (KTM), que ainda não havia vencido, venceu. No entanto, o grande destaque da etapa ficou para a queda de Ken Roczen. O piloto da Honda que havia vencido as duas primeiras corridas do ano e que liderava o campeonato teve fratura no braço e deslocamento do ombro e com isto deve ficar fora das próximas etapas.

A corrida principal começou com o "holeshot" do jovem Cooper Webb (Yamaha), campeão da 250cc e que subiu para a 450cc neste ano. Webb vem mostrando boa adaptação a nova moto neste início de temporada e tende a crescer ainda mais no decorrer das provas. Mas Ryan Dungey também largou muito bem e ainda na primeira volta deixou Webb para trás. Cole Seely (Honda), que estava junto, também deixou o piloto da Yamaha para trás.

Ken Roczen não largou muito bem e completou a primeira volta em sétimo e teve que partir para a recuperação. A primeira vítima foi Weston Peick (Suzuki). Depois vieram Joshua Grant (Kawazaki), Marvin Musquin (KTM) e Cooper Webb. Com oito minutos de prova Roczen chegou em Seely e os dois começaram a brigar pela vice-liderança. Mas o piloto da Honda acabou ejetado da moto numa manobra, voou e caiu no chão.

A equipe de apoio foi para a pista e a bandeira de atendimento médica foi acionada no local. A esta altura Dungey já andava sozinho na ponta e Seely tinha uma boa distância para Musquin. O jovem piloto da KTM, no entanto, foi buscar o rival para brigar pela segunda colocação e com 13 minutos de prova passou o piloto da Honda. Daí para o fim não houve mais mudanças e Dungey venceu seguido de Musquin e Seely.

Outra baixa importante na prova foi Jason Anderson (Husqvarna). Ele foi derrubado por Vince Friese (Honda) na "Heat1" e com a cabeça quente acabou dando um soco no capacete do rival no fim. A direção de prova viu e o retirou de todas as outras provas do dia. Outro que não teve um bom final de semana foi Justin Bogle (Suzuki). Ele fez o "holeshot" na "Heat1", mas caiu na primeira volta e depois não conseguiu mais se classificar para a corrida principal.

Com o resultado Dungey assumiu a liderança do campeonato com 69 pontos seguido de Musquin com 62 e Roczen com 51. O AMA Supercross volta a ação já no próximo final de semana em Glendale, Phoenix. Segue abaixo o resultado final de Anaheim.


0 comentários:

Postar um comentário