terça-feira, 28 de março de 2017

A fase de Eli Tomac (Kawasaki) no Monster Supercross é fantástica. Ele chegou a quarta vitória consecutiva e sétima na temporada. A caçada a Ryan Dungey (KTM) segue implacável e agora a diferença entre os dois caiu para apenas sete pontos. Restam ainda quatro provas para o fim do campeonato e a batalha promete ser feroz.

Tomac não começou muito bem o final de semana. Não largou muito bem na “heat” dele e não conseguiu a classificação de cara. Ele teve que ir buscar a vaga na “main” na “semi”. Dungey, por sua vez, começou dominante e já carimbou o passaporte de cara na “heat” dele. Destaque para Cole Seely (Honda), que venceu a outra.

Na corrida principal o jogo inverteu e foi a vez de Dungey largar mal. Ele caiu para a 12ª colocação nas primeiras curvas. Já Tomac era o segundo, atrás apenas de Marvin Musquin (KTM). Não demorou nem quatro minutos para o piloto da Kawasaki assumir a ponta e se mandar na frente.

Enquanto isto Dungey vinha como um louco numa bela prova de recuperação. Nos mesmos quatro minutos que Tomac demorou para pular para primeiro, Dungey gastou de ir de 12º para quinto. Ele passou por Joshua Grant (Kawasaki) e foi para cima do companheiro de equipe David Millsaps (KTM). A ultrapassagem só aconteceu no fim e ele terminou em terceiro.

Segue abaixo o resultado final da corrida:

0 comentários:

Postar um comentário