domingo, 25 de fevereiro de 2018


Aproveitando-se bem do pit stop obrigatório para troca de pneus, Marco Melandri conseguiu apresentar mais uma vez um desempenho sólido e ganhou também a corrida 2 dessa que foi a primeira rodada da temporada 2018.

Com o problema de desgaste excessivo dos pneus traseiros a organização do certame declarou, ainda no sábado, que a segunda corrida do final de semana aconteceria nos padrões flag to flag, com um pit stop obrigatório para troca de pneus devendo ser realizado entre as voltas 10 e 12 de um total de 22. Marco Melandri, vencedor da corrida 1 no sábado e por isso largando no meio do top10, conseguiu se manter durante praticamente toda a corrida entre os cinco primeiros, dando o pulo decisivo no momento da parada obrigatória. Entrou em sexto e saiu em segundo, destacado na frente juntamente com as Ducati de Chaz Davies e Xavi Fores, e a Kawasaki de Jonathan Rea. Dai em diante o experiente italiano conseguiu encaixar forte ritmo e foi conquistando posição por posição até no final vencer a corrida, ultrapassando Jonathan Rea na linha de chegada, por incríveis 0.021.


Rea, correndo sem estar no seu ideal físico já que encontra-se gripado, conseguiu como de costume encaixar uma grande largada, pulando para a liderança. Pouco depois o piloto da irlanda do norte acabou perdendo a ponta mas se manteve no grupo da frente durante toda a corrida. Dada a condição em que atuou, o tri campeão saiu da corrida satisfeito com a segunda colocação. 

Saindo da pole, Xavi Fores, que já havia feito uma grandíssima corrida no sábado, apresentou grande desempenho durante toda a prova, chegando a liderar o grid por 9 voltas. No final o ótimo espanhol acabou perdendo a briga com Rea e Melandri pela vitória, mas completou o pódio dessa segunda corrida, fechando a primeira rodada com uma 4º e uma 3º colocação, resultados expressivos considerando que estamos falando de uma equipe privada. Sykes, pole para a primeira corrida, conseguiu se recuperar no final da corrida para fechar na quarta colocação. Lowes trouxe a primeira Yamaha na quinta colocação, enquanto seu companheiro Michael van der Mark fechou na sétima colocação após passar grande parte da corrida brigando entre os cinco primeiros. Camier mais uma vez apresentou grande performance no início da corrida, chegando a estar na segunda colocação nas primeiras voltas mas não foi capaz de segurar a pressão das motos maiores e fechou com a sexta colocação.

Michael Laverty mais uma vez começou bem, mas o fim foi ainda mais trágico que o da primeira corrida. Em tentativa de esticar sua vantagem o britânico da Aprilia foi ao chão na quarta volta da corrida quando liderava o grupo após impor uma bela ultrapassagem em Rea ainda na primeira volta. O piloto ainda conseguiu retornar para a corrida mas a carenagem dianteira de sua moto estava muito danificada, prejudicando a performance, o que o impediu de fazer uma corrida de recuperação. No fim, fechou a corrida na última colocação, duas voltas atrás dos líderes. 

Após a conclusão da primeira rodada, Melandri, vencedor das duas corridas do final de semana, lidera o campeonato com 50 pontos, 17 a frente de Tom Sykes da Kawasaki. Rea é terceiro, 19 pontos atrás do líder.

O mundial de superbike retornará suas atividades entre 23 e 25 de março para a disputada da rodada Tailandesa.