quinta-feira, 12 de abril de 2018

Andrea Dovizioso acredita que seu grande rival na disputa pelo título da última temporada jogou fora uma vitória "fácil" na etapa da Argentina. 

Márquez, que com problemas na largada teve que reiniciar sua moto e andar na contramão para realinhar a moto no grid, foi punido ainda no início da corrida e perdeu qualquer chance de vitória. O piloto da Honda apresentou ritmo impressionante quando comparado aos principais rivais mas acabou apenas em uma frustrante 18º colocação após colisões durante a prova com Aleix Espargaró e Valentino Rossi.

Dovizioso, quando perguntado sobre a colisão entre Marquez e Rossi preferiu não comentar diretamente, mas destacou o ritmo apresentado e chamou atenção para os erros cometidos pelo espanhol. "Marc administrou mal as coisas, porque quando você está em uma pista onde você é um segundo mais rápido que todos sob todas as condições, deve ser fácil conseguir o resultado máximo". 

O italiano, que teve um final de semana muito complicado com a Ducati, completou afirmando que "ele fez tudo o que ele não precisava fazer."

Dovizioso terminou a corrida na sétima colocação, mas foi creditado como sexto graças à punição sofrida por Márquez. Vencedor da etapa no Catar, Dovi perdeu sua liderança no campeonato para Cal Crutchlow que com a vitória na Argentina foi a 38 pontos, três a mais que o piloto da Ducati. Marc Marquez é quinto, com 20 pontos.

O mundial de motovelocidade retomará suas atividades em 22 de abril para a etapa de Austin.