sexta-feira, 1 de junho de 2018


Partindo da primeira fila, o alemão Sandro Cortese conseguiu segurar as investidas de Jules Cluzel para liderar grande parte da prova e cruzar a linha de chegada na primeira colocação para ficar com a liderança isolada do campeonato. 
A segunda vitória de Cortese na temporada veio com tons de dominância. Após acompanhar a liderança de Cluzel de perto nas voltas iniciais, Cortese escolheu o momento certo para realizar a ultrapassagem, assumir a primeira colocação e não mais perder até a linha de chegada, inclusive aumentando sua vantagem em cima dos principais concorrentes na parte final da corrida

Cluzel, saindo da pole, liderou as primeiras voltas mas antes da metade da prova perdeu a liderança para Cortese e daí em diante apenas conseguiu acompanhar o piloto da Kallio Racing. Cluzel ainda teve que aumentar o ritmo na parte final da corrida para se defender de Raffaele De Rosa. O piloto de 31 anos passou toda a corrida no pelotão da frente, mas sem grandes alardes. Porém, apareceu muito bem nas últimas voltas, chegando a tomar a segunda colocação de Cluzel, mas no fim acabou sendo ultrapassado pelo francês e teve que se contentar com a terceira colocação. 

Randy Krummenacher, brigando para se manter vivo na briga pelo título, terminou como líder do segundo pelotão para fechar na quarta colocação, após ter vencido batalhas com o atual campeão da categoria Lucas Mahias, que mais uma vez não teve ritmo para brigar pelas primeiras colocações, e Federico Caricasulo  - ambos da GRT Yamaha Official. 

Ayrton Badovini (7º), Thomas Gradinger (8º) e Andrew Irwinm (10º) conquistaram seus melhores resultados na temporada. O português Sheridan Morais fechou na P9.

No campeonato Cortese assume agora a liderança, com 102 pontos. 7 pontos a mais que Cluzel. Krummenacher vem na terceira colocação com 94 pontos, apenas um a menos que Cluzel.  Atual campeão do certame, Mahias é quarto com 90 pontos conquistados.