sexta-feira, 27 de julho de 2018

Esboço da pintura da Tech3 em 2019. Créditos da foto: @motogplivery

Anunciada nos últimos meses, a parceria Tech3-KTM começa a ganhar linhas mais claras. 

Stefan Pierer, o responsável máximo da marca de Mattighofen, confirmou em entrevista à publicação alemã 'Speedweek' que a equipe francesa atuará como equipe satélite da marca. No anúncio da parceria já havia sido informado que as motos da equipe menor também serão do corrente ano, nesse caso 2019, e não de uma temporada anterior como geralmente acontece nas parcerias entre equipes de fábrica e satélites. 

“Temos o objetivo de nos tornarmos líderes junto com Hervé Poncharal [chefe de equipe da Tech3]. Ele agora tem muita experiência na MotoGP e terá equipamento quase idêntico ao da equipe de fábrica". "É claro que o equipamento de uma equipe de clientes é um desafio logístico para nós. Continuamos a expandir nossa equipe de GPs. Esta não é mais uma operação pequena”.

Pierer confirmou ainda que a equipe satélite terá a RedBull como patrocinadora master e provavelmente seguirá o esquema azulado usado pela Toro Rosso na Fórmula 1, enquanto a equipe de fábrica continuará predominantemente laranja com os touros vermelhos da marca de energéticos em destaque. 

“Tecnicamente seguiremos a mesma linha de raciocínio da RedBull na Fórmula 1, a Tech3 terá um design azul claro como a Toro Rosso. Caso contrário, a Tech3 será marcada da mesma forma que a equipe de fábrica, que obviamente ficará laranja."

A parceira se estenderá também para a Moto2, com a Tech3 alinhando duas motos, ambas com apoio da KTM e Red Bull. 

Miguel Oliviera, piloto júnior da marca austriaca, já foi confirmado como um dos pilotos da Tech 3 KTM para a temporada 2019 da categoria máxima do mundial de motovelocidade.  O português terá ao seu lado Hafizh Syahrin, que chegou a equipe francesa nesta temporada e ganhou a chance de permanecer por mais uma ano. Johann Zarco e Pol Espargaró formarão a dupla da equipe principal.